Anos Incríveis: um passeio pela melhor série dos anos 80/90 | Apaixonados por Séries

Anos Incríveis: um passeio pela melhor série dos anos 80/90


Anos Incríveis é a série da minha vida. Foi naquele subúrbio que tudo começou, foi com Kevin Arnold que minha paixão pelas séries nasceu. Se eu nunca tivesse descoberto Anos Incríveis talvez não tivesse descoberto Friends, Gilmore Girls, Sex and the city, Grey’s Anatomy

Quem não chegou a ver, não sabe o que perdeu.

A História

A série se passava no final dos anos 60, e contava a vida de Kevin Arnold, sua família e seus amigos. A narração era feita pelo Kevin adulto, que tinha sempre uma visão muito particular dos acontecimentos da sua infância e adolescência.

Jack era o pai de Kevin, um sujeito turrão, veterano da guerra da Coréia, que sustentava sua família trabalhando na Norcom. Norma Arnold era a esposa ideal, carinhosa, excelente cozinheira, mãe preocupada. Karen era a irmã mais velha, idealista e hippie. Wayne era a definição do irmão pentelho, ele não deixava Kevin respirar aliviado cinco minutos, principalmente quando seu melhor amigo, Paul Pfeiffer, estava por perto.

Paul era o melhor amigo que se podia ter, leal, cdf e alérgico a quase tudo. Os dois estudavam no Colégio JF Kennedy, junto com Winnie Cooper. Gwendolyn, nome verdadeiro de Winnie, era sua vizinha, colega, amiga e namorada. Os três continuaram amigos ao longo dos anos, mesmo com as indas e vindas no romance de Winnie e Kevin, mesmo em escolas diferentes, mesmo em bairros diferentes.

Os Personagens

Os personagens das duas primeiras linhas todo mundo lembra, mas e os outros? Fizemos esse quadro pra lhe ajudar a lembrar daqueles que fizeram essa série ser tão incrível.

Os nomes dos personagens você encontra aqui.

A Abertura

Embora a música fosse sempre a mesma, a abertura de Anos Incríveis (no original, The Wonder Years,) mudou duas vezes. Na primeira mudança, o começo permaneceu, sendo o final substituído por cenas de Kevin e seus amigos já adolescentes. Na segunda, saíram as cenas clássicas, dando lugar a fotos da época e uma foto de Kevin e sua turma do colégio.

Tv Cultura, Band e Multishow, emissoras que passaram a série aqui no Brasil, exibiram todas as aberturas.

Os Episódios mais Marcantes

Piloto
É aqui onde tudo começa. O primeiro dia de aula de Kevin no Ginásio JF Kennedy, dia em que conhece seus professores e colegas que lhe acompanharão pelos anos seguintes. O momento em que Kevin enfrenta o diretor e joga a maçã no do refeitório é um dos melhores da série, um belo começo!

Adeus
É no episódio Aula de Matemática que Kevin conhece o Sr. Collins, professor de matemática. Mas é em Adeus que ele entra pra sempre na vida de Kevin. Collins é aquele professor inesquecível, que todos nós tivemos. Não porque era bonzinho, severo ou querido por todos… Mas sim por ser um mestre, no verdadeiro sentido da palavra. Em Adeus o Sr. Collins ajuda Kevin a se reencontrar no colégio e na matemática, até que Kevin é surpreendido pela notícia da morte do professor.

A Formatura
Episódio marcante que determinou a passagem dos personagens para uma vida mais adulta. Kevin já não tinha o mesmo rostinho infantil, Paul estava mais alto que todos, Winnie já não era uma presença tão constante. É na formatura do ginásio que Kevin se vê diante do problema que é crescer e ter que deixar pra trás certas coisas que não fazem mais parte das nossas vidas. Kevin, já nostálgico, lembra de quando era criança, enquanto ajuda a eterna Srta. White, em trabalho de parto, a chegar no hospital. E, é claro, se forma.

O Acidente
Winnie está num colégio novo, num bairro novo, e cada vez mais se afasta de Kevin, que não desiste de ir atrás do seu primeiro amor. Os dois brigam na pista de patinação, brigam na rua, brigam na casa de Winnie… Até que ela sofre um acidente de carro, e ele corre para vê-la. Kevin sobe na árvore em frente ao quarto de Winnie, e através da janela lhe diz “eu te amo”. Winnie retribui. É a primeira vez que os dois falam em amor.

O Lago e De Volta ao Lago
Viajando com a família e Paul, Kevin tem a sua primeira paixão adolescente. É no lago que ele conhece Cara, menina da área por quem ele se apaixona como nunca antes. Ao som de “So happy together” eles vivem dias inesquecíveis até que Kevin tem que voltar pra casa. Eles prometem se escrever, voltar a se ver, mas como todo amor de verão, não passam de promessas. Oito meses depois, frustrado com sua vida, Kevin retorna ao lago, mas as coisas jamais seriam as mesmas.

Encontros e Desencontros
Winnie e Kevin, já adolescentes e estudando novamente juntos, resolvem ir no mesmo carro, com seus respectivos pares, ao baile do colégio. Mas tudo dá errado e eles acabam odiando suas companhias. E é ao som de “You’re everything” que Kevin e Winnie se redescobrem, e voltam a ficar juntos.

A Trilha Sonora
A trilha sonora de Anos Incríveis é, de certa forma, a melhor e a pior parte da série. A melhor porque com certeza a vida de Kevin não teria a mesma graça sem esses clássicos dos anos 60. E a pior, porque é justamente os direitos das canções tocadas na série que impede o lançamento de um dvd oficial de Anos Incríveis. Graça a essa trilha sonora inesquecível, temos que nos contentar com episódios no Youtube e DVDs piratas.

Foram quatro os cds oficiais da série, mas muitas músicas que marcaram episódios não fazem parte deles. Quer voltar ao clima da série? Fica a dica das músicas.

With a Little Help from My Friends – Joe Cocker
We’ve got tonight – Bob Seger
Unchained Melody – Righteous Brothers
Baby I Need Your Loving – Was (Not Was)
When a man loves a woman – Percy Sledge
Brown Eyed Girl – Van Morrison
Will You Love Me Tomorrow? – Carole King
ABC – The Jackson 5
It’s My Party – Lesley Gore
Smoke Gets in Your Eyes – The Platters
Birds and the Bees – Jewel Akens
Happy Together – The Turtles
Takin’ Care of Business – Bachman-Turner Overdrive
Ain’t No Mountain High Enough – Diana Ross, The Supremes

Os Acontecimentos que Marcaram a Época

A guerra do Vietnã ganha importância logo no primeiro episódio, quando chega a notícia que Brian Cooper, o irmão de Winnie, foi morto. As marcas da morte de seu irmão nunca deixariam Winnie. O Vietnã volta a atingir um personagem no começo da sexta temporada, quando Wart, amigo de Wayne, volta pra casa marcado pela guerra.

Em 1969 o homem chega a lua, e é no colégio que Kevin assiste a essa chegada televisionada. A própria televisão já fazia parte do cotidiano do norte-americano mas até então ela era preto e branca. A chegada da tv colorida é um acontecimento para Kevin, que não se conforma com o fato dos Pfeiffer comprarem essa novidade e eles não. Os Arnold só teriam uma tv colorida anos depois.

Os Beatles e os Rolling Stones marcaram os jovens dos anos 60 nas suas escolhas musicais, roupas, e gírias. Quando criança, Kevin chega a montar uma banda, que com a falta de talento de seus integrantes não vai a lugar nenhum. Já adolescente, Kevin e Winnie saem em busca de um show underground que dizem que os Rolling Stones vão fazer. Esse show teoricamente aconteceu, mas Kevin e Winnie não o encontraram.

O Fim
Na sua sexta temporada, Anos Incríveis chegava ao fim. No episódio duplo, Independence Day, Kevin sai de casa brigado com o pai e vai atrás de Winnie, que está trabalhando em um hotel. Lá ele encontra muito trabalho pesado e uma namorada arredia. Jack vai atrás do filho que continua irredutível. Kevin e Winnie brigam, terminam e são demitidos, tendo que voltar pra casa. Acabam juntos na estrada e, sozinhos, declaram seu amor um pelo outro prometendo nunca se separar. Uma promessa, como diz o Kevin adulto, que só poderia vir de corações muito jovens.

De volta a cidade, vemos toda a família de Kevin no desfile de Independência de 4 de julho. É quando o Kevin adulto nos conta que seu pai faleceu pouco tempo depois, Wayne ocupou seu lugar na fábrica, sua mãe se tornou uma mulher de negócios e Karen, grávida de Michael, teve um filho que é a cara de Kevin. Paul se tornou advogado e continua alérgico a quase tudo.

Winnie e Kevin se escreveram por anos a fio quando Winnie foi estudar arte na Europa. Na sua volta, Kevin foi recebê-la com sua esposa e seu primeiro filho.

“Crescer acontece tão rápido… Um dia você está de fraldas e no outro você se foi. Mas as memórias da infância permanecem com você durante todo o caminho”.

O Elenco e A Consagração
Fred Savage era o responsável por dar vida ao garoto mais carismático que já se viu em séries, Kevin Arnold. Já a voz do Kevin adulto pertencia a Daniel Stern (Mauro Eduardo Lima na versão dublada). Angélica Santos era a dubladora de Kevin no Brasil.

Seu pai, Jack, era vivido por Dan Lauria; e sua mãe Norma por Alley Mills. Completavam a família Olivia d’Abo como Karen, e Jason Hervey como Wayne.

O amigo inseparável de Kevin, Paul Pfeiffer, era interpretado por Josh Saviano, que não é nem nunca foi o Marilyn Manson. Já Winnie Cooper, o eterno amor de Kevin, era vivida por Danica McKellar. No elenco de apoio destacam-se as presenças de David Schwimmer (o Ross de Friends) como Michael, marido de Karen; e Crystal McKellar, irmã de Danica, como Becky Slater.
Ao longo dos anos a série concorreu a diversos prêmios de elenco, direção, roteiro e trilha sonora. Mas a consagração de Anos Incríveis veio mesmo no seu começo, em 1988, quando ganhou o Emmy de melhor série de comédia, e no ano seguinte com o Globo de Ouro.

Atualmente, Fred atua e dirige principalmente séries (Greek e It’s always sunny in Philadelfia). Danica, formada em matemática, chegou a escrever um livro que tenta dismistificar a matéria. Ela tem até um teorema com seu nome, o Chayes-Mckellar-Winn. Josh, assim como seu personagem, se tornou advogado.


185 Comentários

  • 26 de junho de 2009 às 18:07
    Guilherme Peres disse:

    Essa série é perfeita. É muito foda o quanto eles conseguem emocionar só com aqueles episódios curtinhos, coisa de 20 minutos.

    Eu incluiria o "Coda" numa lista de melhores episódios, mas a de vocês tá muito boa :)

    Aliás, eu tenho que parar de reassistir a um episódio ou outro aleatoriamente e começar a ver na ordem mais uma vez :d


    • Certeza, Guilherme.
      Coda, é um dos melhores. Meus preferidos: Coda, O Holofote, O carro do papai, O Acidente. Não podemos esquecer também o Independence day.
      Puxa, já ia me esquecendo O professor de Matemática… é vamos resumir, todos!


      • Conhecí o seriado em um trabalho de escola, de um filme de 20 min que a professora passou “Os pernas de Pau”, muito bom. Depois foi assistindo aos poucos e conhecendo mais.O curso eera Ed. Física e o enredo se passava em manter, respeitar e adquirir respeito confiança e profissionalismo.


    • Anos Incríveis deixou uma lacuna que nenhuma outra série conseguiu preencher ainda. Isso resume.


      • estou um pouco atrasado nos comentarios rs, mas nao posso deixar de dizer o quanto fiquei arrasado quando assisti o ultimo ep da serie… nao consigo engolir como as coisas terminaram…deixou uma lacuna que jamais será preenchida, exatamente isso…


  • Guilherme,
    Sempre tive vontade de ver a série todinha de novo, e ano passado finalmente tomei vergonha na cara! Depois de ver as seis temporadas na ordem, tudo junto, saí amando Anos Incríveis ainda mais!

    E foi justamente revendo a série que eu vi "Coda" pela primeira vez!


  • Eu era apaixonado pela Becky Slater.


  • 26 de junho de 2009 às 23:09
    Wicttor Picanço disse:

    Anos incríveis é simplesmente fantástica.
    Até já havia dito isso aqui no blog, acredito que ela foi a melhor série da história.

    E o post está simplesmente maravilhoso, vontade danada de assistir as seis temporadas novamente.

    Qual é o "Coda"?


  • Tem como não gostar da Becky? Gostava mais dela do que da Winnie! E da Crystal também (minha quase xará), que era bem melhor atriz do que a irmã, Danica!

    E Coda é um episódio em que Kevin toma aulas de piano e acaba não indo ao recital de apresentação. Ele sempre se arrepende, acho.


  • 27 de junho de 2009 às 01:33
    Guilherme Peres disse:

    O "Coda" acaba sendo um dos meus favoritos porque, apesar da gente se identificar um pouco em cada episódio, nele eu me vi inteiro ali ahahha

    E vou aproveitar essas férias de julho pra ver se tomo vergonha na cara também =D


  • 28 de junho de 2009 às 13:33
    Diogo Rafael Lemos disse:

    Essa série é demais, parabéns pelo post. Caramba, qualquer um se emociona com essa série, fiquei emocionado só de lembrar, principalmente a morte do professor de matemática.


  • Felizmente cheguei até este post, pois por conta dele que comecei a procurar os episódios de anos incríveis para assistir. É um retorno à nossa infância e adolescência. Dá uma saudade danada! Concordo com o que todos disseram, especialmente sobre os criadores conseguirem a proeza de nos emocionar em poucos minutos de história. É de fato, uma produção incrível! Até o momento, para mim, o melhor episódio, além de CODA, e Hiroshima, meu irmão, foi "Guerras com Mamãe". A cena final com as cenas entre Norma e Kevin, entoados pela bela música de Joni Mitchel, nos faz pensar em como crescer e independer é difícil.
    Espero que outros tenham a grata surpresa, vindo até aqui. Parabéns pelo site!


    • Na verdade esta serie marcou a vida de muitas pessoas. Hoje tenho 33 anos e infelizmente na televisão hoje em dia não passam mais series ou programas de tamanha qualidade como era este programa! Saudade deste seriado!!! Para mim sempre foi e sempre será a melhor serie que já assisti!!!


  • Obrigada Rodrigo!
    Espero que você reveja mesmo os episódios… todos tão lindos!
    E a música de Joni Mitchel no final do episódio de Kevin e sua mãe é simplesmente perfeita!


  • Caramba! Anos Incríveis também é a série da minha vida! Acompanhei durante anos a fio! E nem imaginava que a chata da Becky Slater (sim, ela era muito chata…) era irmã da Winnie…


  • Sinceramente, na minha opinião, uma obra prima como Anos Incríveis nunca será superada. Não existe série que consiga marcar mais uma geração como essa marcou. Impossível não pensar na minha adolescência, sem lembrar as noites diárias em frente a tv cultura, ás 20:00 horas, acompanhando a vida de Kevin e sua família, amigos.

    O mais gostoso é que não é uma série de momento, como as que você amava na infância/adolescência e hoje até ri de certas situações, diálogos. Mas sim uma série que até hoje provoca em mim reações diferentes a cada episódio que tenho o privilégio de acompanhar. Sempre consigo tirar uma lição diferente e impossível assistir a vários episódios sem se emocionar, especialmente O DIA DA INDEPENDÊNCIA, no qual choro todas as vezes que escuto a narração final.

    Enfim, não há palavras para expressar o quanto Anos Incríveis é importante para mim e o quando eu desejaria ver algo parecido, mas nunca aconteceu…

    Muito bom o especial, parabéns a equipe que a fez.

    Ps: Já que estamos falando em séries, obvio, gostaria de convidá-los a conhecer o mundo das séries virtuais, onde se reúnem diversos autores amadores que escrevem suas próprias obras ficticias e publicam na net em geral.

    São idênticas as séries reais, com atores, trilhas sonoras, promos e etc, só que ao invés das séries passarem na televisão, disponibilizamos-as em roteiro.

    Seria interessante até mesmo uma matéria sobre isso, bom, fica minha sugestão.

    A comunidade oficial relacionado as séries virtuais se encontra:

    http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=27244988

    Possuímos também um blog onde fazemos matérias, reviews, notícias sobre esse mundo:

    htt://emcameralenta.blogspot.com

    Abraço à todos.


    • Olá Thiago,

      Obrigada pelos elogios ao post. Anos Incríveis é mesmo inesquecível, não é?

      Achei interessante o que vocês fazem e tentei acessar o blog, mas não está abrindo.

      Volte sempre!


  • Lembro que na época detestei o espisódio final. Foi uma decepção ver aquilo. Como aquele amor foi acabar daquela maneira? Aquilo não entrou na minha mente e parei de assistir ao seriado.
    Mas hoje…
    Entendo que essa é a realidade da vida. Quem estava com a razão era o seriado e não eu: quase tudo que ocorre na adolescência não vinga quando amadurecemos.
    Não sou “apaixonado por séries”, mas essa eu não perdia nenhum dia.


  • Eu me emocionei quando foi ao ar o ultimo episodio!


  • Nossa, principalmente a parte em que ele narra que após 2 anos o Jack viria a falecer, meu, só de lembrar já fico emocionado.

    Cristal, o link certo do blog seria esse:

    http://emcameralenta.blogspot.com

    Caso o blog corte o http, copie o endereço e acerte na barra de endereços.

    Abraços =)


  • Com certeza, uma obra-prima. Quando eu estava na 6ª série do fundamental, a série passava meio dia e quinze e foi quando eu conheci.Saia correndo pra casa pra gravar,
    cheguei a ter umas fitas de 6 horas, mas viajei e perdi a sequência. Hoje com a internet, pude ter de volta e ver de novo essa maravilha.


  • Caraca só de ver as fotos meus olhos começaram a cair lagrimas,realmente eu estou emocionado com essa lembrança,meu Deus como isso fala forte dentro de nos,gente estou abismado como estou tao emocionado,vou ver se encontro na net pra baixar e matar a saudade.
    essa serie mim tras recordaçoes boas dos meus anos incriveis,isso sim é uma serie.
    ela emociona até hoje.


    • Anos Incríveis emociona mesmo até hoje…

      E, ainda quem não conheceu a série quando era mais novo, quando começa a assisti-la, também se entrega aqueles anos incríveis.


  • Comentando de novo só pra reafirmar que esse é o melhor post do blog e que eu fico felizão de ver meu comentário ali no começo antes mesmo de ter entrado na equipe! auhauhau


    • Eu queria ter mil séries que me motivasse a escrever um post como esse… Mil séries que me motivassem a pesquisar e escrever tanto, com tanto amor como eu escrevo sobre Anos Incríveis.
      Mas a verdade é que são muito poucas. No momento estou tentando começar a fazer o mesmo com Gilmore Girls. Claro, não tem o menos apelo nostálgico que a série de Kevin Arnold tem, mas é a única que me inspira a escrever algo assim.


      • Com o apelo nostálgico de Anos Incríveis, pra mim não tem praticamente nenhuma também, mas tem algumas outras que eu me empolgo muito pra escrever um dia. Pode ter certeza que minha obsessão por Northern Exposure ainda vai render um texto recheado igual a esse ahauha


  • Cristal, parabéns pelo Post.
    Também sou apaixonado por anos incríveis e muitas vezes me perco pela net procurando comentários sobre a série.
    O que mais apaixona é que ela reflete todos os conflitos que passamos, não só em nossa adolescência como em outras etapas da vida.
    Não posso deixar de incluir um de meus episódios preferidos em sua lista que é já é muito boa. “Você não sabe nada sobre mulheres?”. No baile da escola, Kevin percebe que no amor haverá ilusões, pois, além de ser magoado pela garota que gostava parte também o coração de sua admiradora,então reflete se em algum lugar existirá alguém perfeito que também estará a sua procura. Nesse momento cruza com Winnie pelo baile mas não se veem.Perfeito.
    Anos incríveis mostra-nos uma pouco de nossa própria história, que sentimentos bons e ruins é que tornam nossa vida única!


    • Nossa, só de lembrar desse momento da série já fiquei arrepiada!
      Achei no youtube: http://www.youtube.com/watch?v=y8m2YLEX6Qo

      Anos Incríveis é cheio de momentos de baile e festas de escola, mas esse que você citou, e o de “Encontros e Desencontros” que eu coloquei aqui, foram os que mais me marcaram.


      • e eu sei que vai parecer sem sentido o que vou falar agora… Mas tenho CERTEZA que nessa cena a música de fundo original é Unchained Melody (a música de Ghost). Talvez eles tenham trocado em alguma reexibição, por causa dos direitos autorais da música. Afinal, Anos Incríveis não foi parar em dvd até hj justamente por causa de direitos autorais.


        • Tenho o episódio gravado. A música é linda mas não é Unchained Melody. Vc sabe qual é essa música?


          • A música original é Unchained Melody sim. Olha a cena no YouTube: http://www.youtube.com/watch?v=reEngzo7t90


          • Com certeza a música original é a Unchained Melody. Porém estou me referindo a versão que não possui a musica original e sim outra, conforme podem ver no link que a Cristal citou:
            http://www.youtube.com/watch?v=y8m2YLEX6Qo
            Esta música que gostaria de saber o nome!


          • Ah sim, dá zero pra mim auhauha Essa do link da Cristal é You’ll Be My Love, do Bob Gleaves [http://www.youtube.com/watch?v=q4bZ1KcmlbU]. Que por sinal eu nem gosto tanto, ainda mais comparando a cena com a Unchained Melody :~


          • Ha ráaaaaaa! Eu estava certa então, o original é mesmo Unchained Melody!

            Eles devem ter trocado por questões de direitos autorais…

            Que bom que vc achou a cena Guilherme! E eu tb tinha entendido o que o Lucas falou como se Unchained Melody não estivesse naquela cena originalmente.


          • Vocês têm razão. Acho que me expressei mal..rsrsr.
            Valeu Guilherme. queria muito saber o nome da música para baixar. Agora falta poucas para completar minha trilha sonora de anos incríveis.
            Pode parecer estranho, mas gosto mas desta música no episódio do que o tema original,Unchained Melody.Talvez porque tenha assistido esta versão primeiro. Mas gosto é gosto, não é mesmo? rsrs
            Valeu


          • Lucas, então quando o set list da trilha de Anos Incriveis estiver COMPLETO, favor compilar em alguns cd´s ou em um dvd e entrar em contato com alxgom@hotmail.com!

            Compro na hora! =D

            Sou louco pra ter todas essas musicas que marcaram, pena que minha internet nao permite! =(


          • muito bom recordar dessa maravilhosa série que marcou a minha vida e a vida de muitos adolescentes eu comecei a assistir essa série no ano de 1996 na tv cultura assisti ela toda o final me fez derramar lagrimas hoje eu estou com 32 anos e me emociono do mesmo jeito de quando eu era adolescente


      • Cara qual é a música que toca na versão dublada, na hora que a linda vai dançar com o cara alto?


      • Cara qual é a música que toca na versão dublada, na hora que a linda vai dançar com o cara alto?
        aos 16 min!


  • Espetacular materia sobre a melhor serie de todos os tempos, sem duvida!
    Anos Incriveis marcou geraçoes e eh uma serie que nao “envelhece” apesar de relatar fatos de uma decada especifica. É incrivel como a serie transmite mensagens q ficam para sempre e fatos do dia-a-dia q qualquer pessoa pode vivenciar ao longo de sua vida(emoçoes, decepçoes, expectativas, aprendizados). Simplesmente fantastico!


  • Simplesmente maravilhoso! A série eh fantástica! Inesquecível! Parabéns pela matéria. Bjs.


  • Olá pessoal, anos atrás quando assitia esta série na TV Cultura de São Paulo, percebi uma abordagem genial do universo de relacionamentos do ser humano, talvez todos já tenham os links dos 115 epsódios para baixar via torrent, mas para quem precisa aqui vão!

    http://cinecombo.blogspot.com/2009/05/serieanos-incriveiswonder-years-1988.html


  • Gostaria de saber o nome da música que toca quando o o keven, bja a winny no 1° episódio ..

    grato desde já


    • A música é When a Man Loves a Woman de Percy Sledge.

      Cena memorável que abre com chave de ouro este seriado esplêndido!

      “…Dentro de cada uma daquelas casas idênticas com seus Dodges estacionados na frente, seu pão de forma sobre a mesa e o azul brilhante do aparelho de tv no cair da noite, vivem pessoas com suas historias, famílias unidas na dor e na luta do amor. Existiam momento que nos faziam chorar de tanto rir e outros como aquele, de perplexidade e tristeza…”

      abraço


      • Eu estava tentando lembrar e só me vinha a cabeça “In my life” (na versão de Judy Collins, e não dos Beatles). Mas na verdade “In my life” toca em um momento que o Kevin se lembra de várias coisas, inclusive esse beijo.

        A música é tão linda, que eu acabo gostando mais da recordação do Kevin do que do episódio em que o beijo efetivamente aconteceu, com “when a man loves a woman” ao fundo.


  • Lucas

    Obrigado

    de Fato Cena memorável que abre com chave de ouro este incrivel seriado ..
    música lindissima ….

    abraço …


  • Inesquecível série.
    A melhor de todos os tempos!!!
    Emocionante, engraçada e muito bem produzida. Belo roteiro, belas atuações, bela trilha sonora.
    Ao assistir qualquer episódio, podemos chorar, rir, gargalhar e nos emocionar, ao nos lembrar dos anos mais maravilhosos de nossas vidas, a infância\adolescência.


  • Amigos,esta é a serie que eu vi e nunca me canso de rever,a primeira vez que assisti foi na Tv Cultura aos 17 anos e acompanhei até gravei e hoje depois de tantos anos pois tenho 34 anos e hoje em dia sinto falta de series como esta .Assisto as series da madruga no SBT e gosto muito do ARQUIVO MORTO,pena que passe tão tarde.


  • Tive o privilégio de ver Anos Incríveis no Multishow e na TV Cultura, é simplismente a melhor série que já vi em todos os meus 21 anos de vida, e deverá ser a melhor para toda a vida.

    Uma série que foi feita com muito sentimento, momentos que todos nós já presenciamos.

    Gostaria de citar um episódio que me marcou muito.

    Ep. 093 – Corações Partidos e Hamburgers

    Sim, esse foi mais um grande episódio!

    Eu mostro a série a todos os que eu conheço para que eles tenham a mesma sorte que eu tive: Assistir uma obra de arte!

    Hoje em dia eu tenho todos os episódios e vejo e revejo. Sensacional!


    • Eduardo!

      Como conseguiu a série completa? Gostaria muito de ter esta preciosidade!!!
      Se puder me indique um meio de conseguir esta série!!!


  • é uma pena que este seriado nao possa ser lançado em DVD por causa de uma besteira… direitos autorais sobre as músicas, Veronica Marz tbm demorou a sair pelo mesmo motivo, e SKINS foi mutilada, removeram as músicas pelo mesmo motivo… capitalismo selvagem é uma desgraça e que msai perdendo somos nós… QUERO ANOS INCRÍVEIS EM DVD (OFICIAL)


  • meu deus terminei de ssistir isso no dia 24/12/09 amei chorei parece q era eu ali amei quem me apresentou foi meu pai q tambem baixou todos os episodios dublados incriveil não tem melhor eu quero q fasam o filme anos incriveis ou regravem em outa epoca tipo 80 ou 2000 o melhor seriado >
    me emocionei muito no ultimo episodio !


  • Tem certas coisas que se tornam simplimente muito ESPECIAIS na nossa vida, coisas simples essa série chega a ser uma obra prima da tv, ela nos transporta para a nossa infancia de uma maneira incrivel… EU AMO ANOS INCRIVEIS


  • me arrepia até hoje esta serie, quando esculto a musica de entrada , nossa é uma viagem para minha infancia ,, gostei muito ..!!


  • [...] Quem assina a série é Graham Yost, roteirista de filmes como Velocidade Máxima e Tempestade. Elmore Leonard será um dos produtores executivos, junto de Sarah Timbermand, Carl Beverly e Michael Dinner, tendo sido os três, produtores da série Kidnapped, e Dinner, produtor de Anos Incríveis. [...]


  • queria saber se ainda passa na televisao… tenho procurado muito!


  • eu gosto muito ANOS INCRIVEIS
    queria que voltasse a passa denovo


  • 11 de março de 2010 às 13:46
    christian dantas disse:

    Tive a sorte de ter acompanhado a serie enquanto era criança mais ou entre dez e onze anos… foi uma serie em que que retirei varios valores que até hoje carrego por toda a minha vida sou muito agradecido por todos os beneficios que ela me trouxe… uma obra prima que faz até hoje qualquer jovem que assista intentifiqui-se com as situaçoes que Kevin viviu… sem nenhuma duvida a melhor seriue que ja existiu .. UMA OBRA PRIMA INSUPERAVEL


  • Pessoal muito dez este post sobre os anos incriveis!
    Fico feliz e triste ao mesmo tempo, pois foi uma série que me lembra muito minha adolescencia que gostaria muito que voltasse.
    Como posso baixar ou ter a série completa? Por favor me enviem andrepedag@yahoo.com.br


  • nossa… como só agora fui conhecer esta serie maravilhosa!!! um episodio que eu acho o maxmo e nao vejo ninguem comentar é “a quadrilha”, acho que ensina muito…
    bjs a todos os fãs de anos incriveis…


  • cara essa serie na minha juventude foi a melhor que eu assistir na vida pena que nâo passa mais ;como dizem as melhores coisas e ;antiga


  • 3 de junho de 2010 às 20:21
    vitor gabriel oliveira dos santos disse:

    Alguem pode informar o link onde posso baixar a serie completa?


  • EPISODIO INESQUESIVEL:

    SENHORAS E SENHORES OS ROLLING STONES.


  • Juro q me emocionei ao relembrar dessa série…

    me marcou a infancia, naum digo q começei a assistir séries por causa de “anos incriveis” mas essa série foi a primera q acompanhei integralmente… se naum me engano passava no canal 9, tv cultura se naum me engano… e a anos q venho tentando lembrar dessa série…

    mto obrigado… vou assistir novamente ;D


    • Oi Carlos,

      Assista mesmo, tenho certeza que você não vai se arrepender. Anos Incríveis é daquelas séries que podemos ver mil vezes e ela continua boa, sabe?

      Abraço!


  • Com certeza, esta eh a melhor série de todos os tempos. Ela nos mostra como a vida da gente tem vários capítulos, que todos devem ter passado ou ainda passam.
    Estou feliz por ter conseguindo assistir esta série. Hoje quando vejo, sinto saudades daqueles tempos. Que realmente foram Anos Incríveis…
    Um abraço.
    jp.


  • Olá
    Acho essa foi a única série que acompanhei todos os episódios, ficando emocionada em todos. Alguém lembra do nome de um episódio que entra uma nova professora de literatura, Lembro que eles tem uma aula no jardim embaixo de uma árvore. Essa professora diz que iria avaliá-los de forma diferente, sem provas e que eles não precisariam ler os livros. Devo ter gravado, mas não encontro.
    Um abraço,
    Débora


    • Oi Débora,

      Concordo contigo, Anos Incríveis é emocionante em todo e qualquer episódio!

      Acho que o episódio ao qual você se refere é o Kodachrome, 5×13, dá uma olhada no vídeo legendado (gravado do Multishow) do youtube:
      parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=87UFiCeoAbQ
      parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=Kdf1e0xNK-s&feature=related

      Espero ter ajudado!
      Volte sempre, abraço,

      Cristal


      • 24 de julho de 2010 às 16:32
        Antonio Luiz Gomes disse:

        Cara Cristal,

        Verifiquei pelos seus e-mails o quanto é apaixonada por essa beleza que se chama “Anos Incríveis”. Quero adquirir a coleção completa, pq. não sei nem tenho tempo para baixar, e quase “me dei de presente” de aniversário a que foi anunciada no site “www.animeTv.com”, que me pareceu mais sério, mas tive receio de fazer mau negócio.
        Você pode me indicar de quem poderei comprar sem susto e decepção?
        obrigado e abç.

        Antonio


        • Olá Antonio,

          Como infelizmente não há DVD oficial de Anos Incríveis, a única coisa que posso te indicar é o Mercado Livre. Foi lá que, há anos atrás, consegui esse série.

          Não conheço esse site que você citou, então prefiro não opinar. Vale a pena colocar no Google e ver se há pessoas reclamando ou não.

          Boa sorte na sua aquisição!


  • Não sei como começar a escrever isto. Geralmente eu nem comento em posts mas, ao ler os comentários daqui, eu simplesmente não pude me conter.
    Eu descobri essa série esse ano e ela moveu a minha vida durante estas férias de julho. Tenho 17 anos, a mesma idade do Kevin nos últimos episódios, e estou no primeiro ano da faculdade. Todas as descobertas e os pensamentos e atitudes do Kevin me tocaram muito; me fizeram entrar em um transe e questionar vários pontos da minha vida.
    Foi um grande aprendizado e encontrar este texto me deixou de novo comovida, por “começar a fazer parte de um grupo de pessoas que também se sentem assim”, e o mais legal é que são idades tão variadas.

    Belas palavras, Cristal. (:


    • Renata,

      Eu fico verdadeiramente feliz que uma série tão linda como Anos Incríveis continue marcando novas gerações.

      Nunca sei se dá pra gostar da mesma forma, afinal eu passei anos acompanhando a vida de Kevin, enquanto você se apaixonou pelos Arnold em apenas um mês! Mas essa é a prova do quão fantástica é a série, mesmo quem a conhece assim, não consegue ficar indiferente.

      Anos Incríveis atravessando gerações!

      Obrigada por comentar. Eu mesma não era muito de escrever comentários até ter esse blog… Mas é importante porque os comentários são o “salário” de autor de blog.


    • por fim axei as duas resposta muito parecida com migo tqmbem vallew!!!!!!!!!!!!!!


  • 2 de agosto de 2010 às 20:56
    Antonio Luiz Gomes disse:

    Valeu, Cristal!

    Esqueci de agradecer, no contato anterior, todas as lembranças, músicas e tudo mais que trouxeram de “Anos Incríveis” neste blog.
    A propósito das idades dos fãs, eu tenho 49 anos e não ví outra série na TV que me comovesse tanto e me fizesse viajar para minhas próprias memórias e de gente querida que eu conheci.
    Realmente, o que é humano de verdade é belo, e o que é belo é eterno!

    Antonio


  • Nossa eu assisti essa serie quando , repriso na tv cultura ,eu tinha 12 anos e hoje tenho 16 a serie dizia tudo oque se passava na vida de um adolescente e etc . Nuna vou me esquecer dessa historia !


  • Para quem assistiu e assiste até hoje a essa excelente série, ai vai uma curiosidade. É possível ver através do Google Map a casa onde foi gravado esse seriado “Casa do Kevin” e também a casa de Winnie que fica do outro lado da rua. O endereço é 516, University Ave, Burbank CA 91504. Basta colocar esse endereço no google map. Espero que gostem pois eu adorei!

    Abraços a todos.


    • Cara, isso é maldade. Coloquei lá e agora tô morrendo de vontade de assistir tudo de novo ahahha :( Apesar de que as casas ali são todas BEM parecidas… Tanto que o Kevin no piloto mesmo comenta sobre isso.

      Mesmo assim, tenho muita vontade de ir lá pros EUA algum dia e passar nesses lugares marcantes das séries. Deve ser legal pra caramba ver ao vivo o que a gente acompanha há tantos anos por uma tela.


      • Guilherme, eu também agora estou assistindo tudo de novo, só que desta vez eu estou vendo a série, dando pause para ver se encontro no google map o local exato onde eles estavam.

        O endereço da casa da winnie é 527 University Avenue, Burbank, CA, United States. Só que notei que a casa sofreu algumas mudanças estruturais, e fiquei muito na dúvida se realmente era a casa dela, mas ao ver o seriado, mais precisamente no episódio Nemesis, notei que a cerca da casa vizinha de frente da casa da winnie continua a mesma, daí não tive mais dúvida.

        Com relação as casas serem bem parecidas, é verdade mesmo, mas a casa deles não há como confundir…rsrsrs Se algum dia eu for para os EUA com certeza darei um jeito de ir até lá também, e não vou me contentar de ficar olhando só por fora, vou ter que pedir para tomar um copo dágua e entrar lá dentro kkkkk

        Muito legal mesmo!!!! Estou em busca agora da casa do Paul, mas tá dificil.

        Abraços.


        • Nossa Rodrigo, muito obrigada por essa dica! E como o Guilherme bem disse, deu vontade de ver tudinho novamente.

          Não sabia que era um subúrbio real e também fiquei com vontade de conhecer o lugar!


          • Olá Pessoal,

            Encontrei a escola onde foi filmado o episódio Piloto, o nome da escola no episódio é Robert F. Kennedy Junior High School, porém o verdadeiro nome é John Muir Middle School. Porém a escola foi toda reformada, é possível ver fotos interna da escola atual através do link http://meehleis.com/project_john_muir.php
            e a foto externa através do link http://www.nationalelectricpro.com/completedprojects-johnmuirmiddleschool.htm.

            Infelizmente a escola está muito diferente, mas a informação é veridica, pois consegui através americano que informa sobre lugares utilizados para filmagens de seriados e filmes, e informou sobre os Anos Incríveis. Inclusive se olharem no google map, verão que a escola é bem próxima da casa do Kevin.

            Espero que gostem, estou em busca da casa da Paul, assim que conseguir deixo uma mensagem.


          • Amigos! Eu já tinha tentado várias vezes descobrir aquela casa no Google Maps, mas sempre acabava desistindo e achando que eu estava meio maluco! Agora vejo que não estou sozinho! Sensacional! Sou fã da série (é a única que gosto), vejo e revejo sem parar, acho incríveis as reflexões do Kevin e, se pudesse, eu comprava aquela casa! Já tentei até desenhar uma planta baixa da casa, mas não consegui. Algum fanático aí conseguiu? Acho que nunca escrevi num blog, mas este aqui me inspirou. Cristal, você tem notícia se Neal Marlens e Carol Black pensam em fazer outro trabalho semelhante? Parabéns pelo blog!


          • Não, Alberto, nem ideia. Nenhum dos dois praticamente escreveu nada depois da série.

            Há um tempo atrás surgiram boatos de que rolaria um remake de Anos Incríveis. E fico feliz que até agora não tenha acontecido… Jamais seria tão bom.

            Se você me permite, queria lhe sugerir uma coisa: comente em blogs sempre que possível. Dá um prazer enorme escrever sobre o que a gente gosta, mas esse prazer só é completo com os comentários das pessoas. É nosso “salário”, sabe?

            E obrigada!


        • Rodrigo, falando em casa, vocêis sabem qual o colégio em que eles estudavam?


  • Quando asisti a primeira vez na cultura nem dei importancia tbm tinha 11 anos, deposi de uns anos quando deu uns 13 anos de idade começou a lembrar dessa series e tentei baixar e consegui, e depois disso vivo feliz e chorando no final do episodeo do dia da independencia.


  • 12 de setembro de 2010 às 03:06
    Vinicius Vieira R. disse:

    Poxa, nao existe friends, smallville ou herois que se compare a Anos Incriveis, se possivel, queria o link para baixar as temporadas da serie, tem uns dois anos que tento baixar e nao consigo a serie completa, queria os links para fazer um dvd, para quando quiser chorar, assistir Anos Incriveis.

    vlw galera.


  • bom tenho apenas 18 anos,e agora que vi a temporada completa,muito fera!!!!!!!!


  • EPISÓDIOS LEGENDADOS EM ÓTIMA QUALIDADE NO YOUTUBE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    http://www.youtube.com/anosincriveis4ever


  • A maior e melhor série de todas. Faz ri e chorar ao lembrar-se do seu tempo de adolescência. Deus proteja as pessoas que escreveram a série, que compuseram as trilhas e a todos que a apreciam.
    Um grande abraço.
    PS: Puxa vida pessoal, lançem o DVD!


  • A melhor série, a melhor trilha sonora. Me indentifico em cada episodio, em cada frase que o Kevin diz, bons tempos da televisão, já não se fazem mais series como está, tão simples e que consegue emocionar pessoas de todas as idades.


  • Este foi e sempre sera o melhor seriado de todos os tempos, emocionante, marcante , simples e eterno …………..


  • Eu estou tentando achar palavras pra tentar explicar o que eu estou sentindo de ver tantas pessoas que como eu, ate hoje se emocionam com esta serie.Nunca imaginei que pudesse refletir a infancia e adolescencia de tantas pessoas…Neste mundo frio e indiferente em que vivemos, me emociono de ver pessoas escrevendo que “choram” quando revêm a serie.Parabens ao criador deste endereco e saude e paz aos que sao tocados pela sensibilidade da serie.


  • Bons Tempos! Essa serie é demais!


  • Caramba, vc não sabe o bem que me fez….
    Feliz aqueles que amam e de preferência um grande amor!
    Obrigado por me levar, ao meu passado.


  • Peguei essa semana na casa de um amigo que tem uma comic shop, até me arrepiei quando vi e pedi pra ele fazer uma cópía pra mim na mesma hora, perdi até um pedaço da final do brasileirão esperando a gravação e impressão dos discos. Está na minha estante só esperando eu acabar Dexter (que por sinal acabei ontem), para ser vista.
    Essa série foi parte importantissima da minha infancia, fantástica série mesmo.
    Bom se alguém ai se interessar o e-mail desse meu amigo é: robertojanuario@hotmail.com digam que foi indicação do Ederson pq ele não faz pra qualquer pessoa. A qualidade é muito boa tanto das midias quanto das impressões. Ele manda pra todo o Brasil (acho eu).
    Se alguém quizer mande e-mail pra ele que vou avisar que foi eu que indiquei.
    Não quero fazer propaganda pois não ganho nada com isso, poderia deixar meu e-mail e pedir pras pessoas entrarem em contato, mas isso transbordaria minha caixa de entrada. É só uma ajuda pra quem ama a série assim como eu e não consegue achar.


  • Assisti esta serie quando passou na TV Cultura a muito tempo, depois quando estava na faculdade assistimos novamente na Rep. e agora baixei todos os episodios via torrent e estou na 4 temporada… chego a ver 10 episodios no dia … é muito bom, realmente marcou minha vida… não vi ninguem comentando por aqui mas gosto da “Madelene” não sei se escreve assim… e a Becky Slater é simplesmente fantastica… eu torcia p ele ficar com ela…


    • 17 de janeiro de 2011 às 13:58
      José Cesar da Silva Paiva disse:

      Caraca, o Kevin gostava muito sa chatinhba da winnie mesmo! E a Madeline Adams, quando é que surgiria uma mulher assim na vida dele?


    • Oi Rodrigo (xará por sinal rs), você citou em seu comentário a Becky Slater, e me lembrei de uma coisa curiosa que acredito que poucas pessoas sabem. Na vida real a Becky é irmã caçula da Winnie. Depois que descobri isso que fui notar o quanto elas tem traços parecidos. rsrsrs Abraços a todos.


  • Gente,
    acabei de completar 45 anos no último 25/12
    Assistí toda a temporada de ANOS INCRÍVEIS quando passou na TV Aberta nos anos 90…Por ter sido ambientada no final dos anos 60 e início dos anos 70 ( época vívida pelo personagem principal, lembro de ter ouvido muitas daquelas músicas na época, então assistir aos ANOS INCRÍVEIS,parece ser uma viagem de volta aos tempos daqueles anos mágicos, que também foi a primavera da minha infância …
    Sempre estou tornando a assistir os capítulos, fico olhando os personagens secundários que aparecem tentando imaginar onde estão hoje e como estão…E cada vez que torno a assistir os capítulos, parece que estou assistindo pela primeira vez, e a emoção e saudades se renovam, por que também tive uma infância maravilhosa, como acredito que todos por aqui, por gostarem tanto desse seriado – ANOS INCRÍVEIS -também tiveram uma infância inesquecível, e hoje também sentem saudades daqueles ANOS INCRÍVEIS de nossas infâncias…
    Abraços…

    paulolss@bol.com.br


  • Muito bom seriado msm. Voltei a assistir os episódios nessa semana e com certeza é o melhor seriado de todos os tempos. Sempre me lembrareei do quanto anos incriveis é emocionante.


  • Com certeza a melhor série de todos os tempos, com certeza a trajetória de Kevin é bem semelhante a de quase todos que comentam aqui neste blog, acontecimentos, momentos de alegrias, aventuras, amizades, dores, perdas, paixões, ilusões, corações partidos … eu particularmente tive um infância e uma adolescência muito parecida com a do Kevin, tive um Pai parecido com o do Kevin, que infelizmente também já faleceu, e cada vez mais percebo o quanto foi e está sendo difícil realizar na idade adulta os sonhos da infância da mesma maneira que Kevin não conseguiu realizar os seus, pois mesmo tendo como Winni seu grande amor de toda uma vida, a vida fez com que os dois não ficassem juntos ao final do seriado, por isso não posso deixar de citar os meus 10 episódios preferidos:

    - A Manifestação
    - O Holofote
    - Pernas de Pau
    - Você Não Entende Nada de Mulheres
    - A Queridinha do Papai
    - A Mudança
    - Um Coração Partido
    - Recordando (Um dos melhores senão o melhor)
    - Verão
    - Dia da Independência

    Eu comprei a série completa com mídia excelente, mesmo sendo gravado dos episódios dublados que passavam na Tv Cultura, porém é editado sem comerciais e vem em caixas próprias para DVD com encarte colorido tudo em ótima qualidade, achei pelo site “Toda Oferta”, e o e-mail do rapaz é msh123@terra.com.br, nem sei se eu poderia estar ou não encaminhando este e-mail dele, mas como todos aqui são mais do que fãs da série, tenho certeza que ele não vai achar ruim quando vc’s entrarem em contato com ele, o nome dele é Mauro.

    Um forte abraço a todos …


    • O meu é exatamente esse… a cópia está perfeita!!!
      É como se eu estivesse anos atrás, na frente da TV assistindo a TV Cultura, esperando terminar “Mundo da Lua” para assistir.


  • Realmente é a melhor série de todos os tempos. Melhor elenco, músicas de arrasar… simplesmente perfeito!

    As crianças e os adolecentes de hoje, deveriam assistir esses seriado. Tenho certeza que aprenderiam o que é ter caráter, o que é dar valor a família, aprenderiam quem são nossos amigos de verdade… veriam o que é viver um grande e verdadeiro amor, daqueles que nunca mais se esquece e outras muitas lições que essa série nos ensinou.

    Sabemos que são culturas diferentes (EUA e Brasil) mas tudo que cite acima, indifere de onde vivemos.

    O mundo está se acabando, mas ainda bem que existiu essa série (que eu tenho ela completa em DVD – pirata, claro) para podermos rever o quanto antigamente éramos felizes!

    E acredito que éramos mais felizes que hoje!


  • Essa série é fantástica !! Pra mim é melhor…com toda a certeza do mundo!!! Eu assistia quando tinha 16 anos, mas não ligava muito. Agora consegui baixar toda a série, completa, dublada e em´boa qualidade. Estou vendo episódio por episódio. Um por um… . Já estou no ep. de nº 80 !!! É viciante esse seriado!!! Anos Incriveis é demais !!!


  • Incríveis, os episódios de “Anos Incríveis”. Sabíamos que éramos felizes. Depois vieram:mudanças de comportamentos (para pior), drogas, mundo do consumo, globalização, etc…etc, Hoje sabemos, também, que somos infelizes. Incríveis infelicidades. Mudemos, pois …


  • 12 de fevereiro de 2011 às 22:18
    Paulo e Jane Felistoque disse:

    Nós eramos recem casados e começamos a assitir “Anos Incríveis” para nós foi e sempre será um dos melhores seriados produzidos até hoje.
    Singelo, emocionante e sentimental.


  • Sem duvida a melhor série q assisti.
    Assistia sempre acompanhado dos meus filhos e de minha esposa, esse sim era um programa para a familia inteira !!


  • nao me lembro muito desse seriado so sei ki na epoca eu deveria ter uns 9 ou 10 anos mas lembro ki assistia todo dia agora ou baixar esses episodios para poder rever tudo de novo o tempinho bao viu e o ki o moacir disse é a mais pura verdade muita coisa mudou de la pra cá e pra pior viu!!!!!!!!!1


  • 12 de março de 2011 às 16:37
    celso s vieira jr disse:

    e ainda tem muitas pessoas que não valor e respeito as outras, anos incriveis mostra o que é familia e o que é amar as pessoas, tenho 31 anos sou casado tenho dois filhos mas até hoje choro quando escuto a musica de abertura do seriado.


  • eu choro em quase todos os episódios! é tão perfeito!


  • Só de assistir a uma cena meus olhos se encheram de lágrimas. Como uma série pode mexer tanto com as nossas emoções?!. Sinto nostalgia ao rever os episódios e me remete a minha infância. Bom demais!


  • Eu tinha uns 10 anos qdo assisti Anos Incríveis, descobri este site e qta nostalgia!!! Nossa é muito bom vc poder ver algo que marcou a sua adolescência… A música de Joe Cocker, a little help from my friends tudo de bom. Qtas saudades…


  • Anos Incriveis foi a série mais bonita que a televisão já mostrou.Emocionei-me às lágrimas de ler aqui tudo o que vc escreveu.
    Sabe,acho que a vida vale a pena porque a gente pode sentir essas emoções assim,que são maiores que a gente…
    Quem sabe se a gente pudesse tê-la à mão,em vídeo,se a emoção seria tanta!…


  • Oi pessoal! O que dizer já que tudo está dito nos comentários acima…

    Vi para Brasília em 1993 e acompanhei uma boa parte da série e adorei. Agora to com 31 anos e to assistindo novamente toda a série e como disseram, a cada episódio a gente aprende algo sobre a vida…

    Muito bom mesmo!


  • A melhor série de todos os tempos.


  • ola pessoal fan dessa sere me add no msn actionman_master@hotmail.com esta serie é a melhor


  • [...] os Episódios. Os principais personagens do Seriado Anos Incríveis: Imagem retirada do Site: Apaixonados por Séries Para você saber um pouco mais sobre Anos Incríveis – Clique [...]


  • Anos Incríveis sempre me deu um nó na garganta pela sua nostalgia e melancolia,que eram retratadas em muitos de seus episódios.
    Não consigo dissociar “with a little from my friends” da Série, marcou a minha vida!


  • O episódio “Adeus” pra mim é o melhor da série.
    Lembro que passava na tv cultura, e quando assisti a esse episódio deu vontade de chorar.
    Foi muito emocionante.
    Essa é uma ótima série.


  • REalmente essa foi uma serie muito boa realmente foram anos incriveis.


  • Eu amo essa serie marco muito minha infância e mudo meu jeito de ser tenho muito que agradecer pela essa seria obrigado
    EU AMO ANOS INCRIVEIS♥


  • SOU MUITO FÃ DESTA SÉRIE E TAMBÉM A CONSIDERO A THE BEST,SOU CAPAZ DE FICAR HORAS LENDO, PESQUISANDO VENDO TUDO SOBRE A SÉRIE.ANOS INCRÍVEIS MARCOU MINHA VIDA TENHO UM SENTIMENTO INESPLICÁVEL AO ASSISTIR OS EPISÓDIOS.


  • Meu filho se chama KEVIN, será por que? rs


  • alguém pode me ajuda
    eu quero um seriados q passava na cultura
    mais eu so sei de um sinal
    q uma menina cospe na mão de o menino.

    foi no anos 90


  • Eu assistia todos os dias com a minha avó, na Multishow. Foi a única série que eu acompanhei inteira, sem perder nenhum episódio! Chegava correndo da escola, e quando já tinha começado, minha avó contava o que tinha acontecido!
    Lembro que ela ficou revoltadíssima do Kevin e a Winnie não ficarem juntos! E eu, do auge dos meus 12 anos, explicando pra minha avó que amores não duram pra sempre, ela foi só aquele inesquecível amor de infância…

    Ah, bons tempos…


  • Ae pessoal, vamos agitar pra serie voltar ao ar… esse seriado eh bacana e se um bom numero de pessoas se mobilizar, volta novamente ao ar… tem um evento no facebook… vamos lah!!!!braço a todos!!!


  • Terminei hoje de ver a série. emocionante o final. voce ve lá o Kevin indo embora de casa e lembra de quando ele estava indo pela primeira vez ao ginásio. crescer é realmente complicado.

    Destaco os episódios: A Manifestação (aquele dos alunos cantando no campo de futebol contra a guerra) e A Quadrilha (que ele magoa a menina por ser feia) Me ensinaram muita coisa sobre o quanto nossos pequenos atos de agora podem ser ou nao grandes arrependimentos do futuro.


  • Essa série marcou minha mudança da fase criança para adolescente, assisti todos os episódios várias vezes pela Cultura, depois Multishow, e também baixei para matar saudades, assim como o criador da matéria acima, fica a dúvida se eu não tivesse conhecido Anos Incríveis talvez hoje não seria fã de outras séries que gosto.

    O que posso dizer sobre essa série é simples, muita coisa do que sou hoje como homem, foi moldado através dos problemas que Kevin Arnold passou no seriado, e a minha personalidade foi influenciada por ele. Amo a série e não tenho vergonha disso, ao contrário, queria muito que outras crianças e adolescentes pudessem assisti-la, pois vale muito pra conhecer as dificuldades da vida e também as maravilhas.

    Que anos Maravilhosos!!!


  • Ola a todos,

    Fico Feliz em ver que não é somente eu que sou fanático por essa série.

    Para quem tem interesse nos locais de gravações da série, olhem os links abaixo (em inglês )

    http://www.imdb.com/title/tt0094582/locations

    http://mytwyyearbook.tripod.com/locs.html

    O 2º link com certeza é o mais completo.

    Inclusive troquei alguns e-mails com o Sr. Kyle Gittins responsável por esse site, o qual ele me passou esse link contendo alguns dos locais de gravação da série e também ele me contou sobre seu encontro com a atriz Lisa Gerber que interpretou a Cara no Episodio “The Lake”.No site existem em algum lugar as informações sobre esse encontro

    Eu estava tentando descobrir aonde foi gravado o Episodio the lake, e o Sr Kyle Gittins também estava nessa mesma tentativa, no seu encontro com a Lisa Gerber ela não se lembrava com exatidão o local da gravação, mais o Sr Gittins me disse que ia continuar procurando, porém eu não o contatei mais.

    Quem for fã da série e quiser entrar em contato comigo, fiquem a vontade:

    menezes.t@terra.com.br

    Abraços
    Thiago


  • sem duvida o melhor seriado q vi até hoje


  • Na época eu tive até uma namorada que achava parecida com a winnie, realmente marcou minha adolescência e me trás muitas saudades, não perdia um dia sequer e foram tantos que me emocionaram que não consigo citar apenas 1, foi realmente um seriado INCRÍVEL!


  • eu tenho os primeiros 85 episódios,vejo e revejo todos,ate baixar os outros episódios…sem duvida a melhor série que eu já vi.


  • anos incríveis foi amair série de todos os tempos resgatou em mim muitas lembranças.por isso peço encarecidamente para tv cultura reprisr os episódios.


  • Impossível não se apaixonar. Quem viu sabe. Abraços


  • eu tenho a serie completa e inclusive no meu site http://firefilmes.blogspot.com.br/search/label/Anos%20Incriveis da um confere seriee perfeita..


  • 24 de maio de 2012 às 10:50
    Dimas Oliveira disse:

    assisti todos pelo you tube e Gostei muitoooooooooooooooo!!!


  • 23 de julho de 2012 às 16:06
    Rodrigo A Castro disse:

    Há rumores q o Paul Pfeiffer era o Marilyn Manson, será? parece d+, mas parece q ele é advogado.


  • O episódio 70 “O Lago” e o 92 “De volta ao Lago” são os melhores episodios de anos incriveis na minha opinião..

    Aquela atriz que fez a personagem Cara é linda, me faz recordar uma garota que eu gostava na minha adolescencia..

    Essa serie é demais, muitas lembranças!!


  • toda vez que assisto coda eu choro…..rsrs é estranho muito nostálgico isso..


  • anos incriveis fez parte da minha infancia e da minha pre adolecencia.estava ficava louco quando naum dava tempo de assistir por causa dos treinos de natacao.mas sempre pedia a mamy para gravar na fita cassete rsrsrs


  • 4 de dezembro de 2012 às 19:41
    nivaldo vieira de melo disse:

    A serie mais importante da minha vida , tinha 10 anos e estava descobrindo o amor, e tudo se tornava mais facil por acompanhar crianças, adolecentes vivendo as mesmas


  • 4 de dezembro de 2012 às 20:11
    nivaldo vieira de melo disse:

    Situaçoes e duvidas sobre essa estraordinaria descoberta o amor, acompanhei a serie do inicio ao fim na cultura. Ainda hoje o amor de kevin e winny me serve de inspiraçao, so nao encontrei a minha winny!!!


  • A única série que assisti até o fim e gostei. Não há outra igual. Me lembro que na época que assisti na cultura e tinha meus 13 anos. Trilha sonora impecável e bem sincronizada com os capítulos. Muitos devem pensar que como uma série que trata de uma cultura diferente, de um período que muitos não viveram, pode ser tão cativante fazer nos sentir parte da história.


  • 21 de fevereiro de 2013 às 00:17
    Carlos Richardson disse:

    Posso dizer, que além de meus pais, foram series como Anos Incríveis que me educaram para a vida. Cada situação vivida pelos personagens e cada ensinamento de cada um dos capítulos moldou meus valores morais e sociais, assim como os ensinamentos de minha família. Só posso agradecer a Deus, que através dos autores, nos ensinou a viver através dessa série… espero que todo o elenco esteja bem, e torço pela felicidade de todos!


  • 4 de abril de 2013 às 15:45
    Rosilene Cristina disse:

    Onde eu consigo comprar as temporadas aqui no Brasil? alguém sabe?


  • e sem querer zapiando a tv me deparo com o seriado na tv cultura nao peguei do inicio mas mesmo assim me prendeu tinha meus 15 anos na epoca e por sorte a tv cultura voltou a reprisar do inicio ai nao perdi nenhum episodio logo minha mae tbm começou a assitir e minha irma tbm e hj me encontro aqui baixando o seriado pra minha esposa assistir e meus futuros filhos. realmente faz jus ao titulo um seriado incrivel


  • 17 de maio de 2013 às 16:14
    Júlio Gabriel disse:

    ASSISTI A SERIE NA ÉPOCA EM QUE PASSAVA NA CULTURA EM SUA PRIMEIRA EXIBIÇÃO E APRENDI MUITA COISA COM A SERIE…ME MARCOU MUITO E DEIXOU SAUDADES QUANDO FOI TIRADA DA TV.


  • Ei, pessoal! Este site está vendendo a série completa:
    http://cineretro.com.br/combo-anos-incriveis-da-1-a-6-temporada-17-dvds.html
    Algum de vocês já comprou? A qualidade é boa?


  • [...] Fonte: http://www.apaixonadosporseries.com.br/series/anos-incriveis-um-passeio-pela-melhor-serie-dos-anos-8… [...]


  • Estou assistindo na ordem pela primeira vez depois de que cresci… Me emociono sempre, é impressionante!
    Aprendi na raça a tocar no violão a musica ‘Canon’, depois de assistir o episódio Coda, e estou arquivando toda a trilha sonora do seriado. Tenho só 21 anos e sinto muita saudade dos anos em que era criança, mas não há o que fazer, a gente cresce… acredito que muita coisa da vida, eu só notei depois de assistir quando pequeno, e isso me diferencia de muitos à minha volta, que mostram que não possuem valores.
    Gostei do artigo! haha,
    e meu episódio favorito foi o ‘A Mudança’, chorei largado!


  • pessoal, estou procurando a trilha sonora da série. Alguém sabe onde encontro pra baixar?


  • Essa é a melhor série que já passou na televisão.Ganhei as temporadas e a trilha sonora e com certeza esse foi o melhor presente que recebi,pois poder assistir sempre que desejo é maravilhoso.Não lembrava do nome da maioria dos episódios, pois era criança quando assistia,mas as mensagens que vinham com estes permaneceram na lembrança… essa série tem algo de muito especial que marcou minha vida…


  • Serie simplesmente incrível!!!, está serie nos ensina a ter respeito, compaixão, dignidade entre muitos outros valores!!!, hoje aos 33 anos posso me dizer um cara de sorte por ter assistido a esta serie na qual considero a melhor e mais completa!!! Acho que esta serie nos da uma lição de moral e respeito!!! Me faz lembra da minha época no ginásio pois neste período de 90 até 96 existia uma matéria da qual lembra muito a lição passa pela serie a matéria era EDUCAÇÃO MORAL e CÍVICA a qual tive o prazer de ter tidos aulas!!!
    Abraços a todos os fãs desta serie que é e sempre será a melhor!!!!


  • Um seriado mesmo inesquecível! A gente volta ao tempo, tempo esse que foi a melhor época para muita gente. Bate aquela saudade da adolescência!


  • O que parecia impossível agora tem chance de acontecer: a série toda em DVD! Leiam:
    http://g1.globo.com/pop-arte/blog/legendado/1.html


  • Acabei de ver a série há alguns dias.
    Realmente é a melhor série que eu já vi, tenho apenas 15 anos, mas lembrarei desses “Anos Incríveis” para sempre.

    Queria perguntar se não tem alguma série parecida com Anos Incríveis, sei que é meio dificil ter algo tão bom quanto, mas se tiver por favor me indique. Obrigado


    • nao chega ao nivel de anos incriveis mas confissoes de adolescente tbm exibida na tv cultura foi muito boa da uma confirida talvez goste


  • * Campo obrigatório. O seu email não será publicado.